Funções predefinidas

Para além do manual de referência, que é relativamente árido nalguns capítulos, o Python tem um manual sobre a Biblioteca Standard, que começa por apresentar as funções predefinidas da linguagem.

A função abs() calcula o valor absoluto de inteiros, reais e complexos.

>>> abs(-3)
3
>>> abs(-7.5)
7.5
>>> abs(3+4j)
5.0

A função all() verifica se todos os elementos de um iterável são verdade.
A função any() verifica se algum elemento de um iterável é verdade.

>>> all([1,0])    # array composto por 1 e 0
False
>>> all([1,4])    # array composto por 1 e 4
True
>>> any([1,0])
True
>>> any([0,0,False])
False
>>> any([True,False])
True

O tipo abstrato basestring() não pode ser instanciado, é a superclasse de str e unicode, mas pode ser usado para testar se um objeto é do tipo str ou unicode.

>>> isinstance("Ola", basestring)
True
>>> isinstance("Olá Mundo", basestring)
True
>>> isinstance(123, basestring)
False

A função bin() devolve uma string com a representação binária de um inteiro. Ainda ninguém desafiou o guru do Python a mostrar a representação binária de um real? Em C pode ser feita assim:

float x = 3.5;
printf("%X", *(int*)&x);

bool() avalia um objeto como booleano.

>>> bin(123)
'0b1111011'
>>> bool(2)
True
>>> bool(0)
False
>>> bool()
False

A função bytearray() devolve o array de bytes que compõem uma string. Se a string estiver em unicode, é necessário passar a codificação como parâmetro. Ver documentação.

>>> bytearray("abc")
bytearray(b'abc')
>>>
>>> s = "Olá Mundo"
>>> ":".join("{:02x}".format(ord(c)) for c in s)
'4f:6c:e1:20:4d:75:6e:64:6f'
>>>
>>> s = bytearray("Olá Mundo")
>>> ":".join("{:02x}".format(c) for c in s)
'4f:6c:e1:20:4d:75:6e:64:6f'

Mais funções no próximo artigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *